Home Cidadania UFMG cria plataforma para divulgar ‘balbúrdia’ de pesquisadores
Em exposição

UFMG cria plataforma para divulgar ‘balbúrdia’ de pesquisadores

Universidade Federal de Minas Gerais, ameaçada pela política de Bolsonaro com corte de verbas, criou perfil no Instagram para divulgar atividades classificados por ministro como 'balbúrdia'
Publicado por Redação RBA
20:02
Compartilhar:   
divulgação
ufmg pesquisa

Ideia é mostrar para a sociedade a relevância das contribuições das universidades para o dia a dia

São Paulo – A Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) iniciou um esforço para divulgar os trabalhos realizados por pesquisadores da instituição. A ideia é mostrar para a sociedade a relevância das contribuições das universidades para o dia a dia. São pesquisas de diversas áreas do conhecimento, inicialmente publicadas no perfil do Instagram: @ufmgpesquisa.

O momento para a divulgação do conteúdo é oportuno, já que as universidades e toda a educação passa por ataques do governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL). Além de cortar mais de 30% das verbas destinadas ao setor, o ministro da pasta, Abraham Weintraub, afirmou que as universidades brasileiras “promovem balbúrdia”.

Parte desta “balbúrdia” está relatada pela UFMG. Uma delas, por exemplo, em desenvolvimento pelo Departamento de Química do Instituto de Ciências Exatas, pesquisa sistemas de tratamento de água de baixo custo para locais críticos, como regiões áridas ou que passaram por algum tipo de desastre ambiental. 

Métodos avançados agrícolas de combate à erosão, desenvolvimento de gestão e inovação na área da saúde, projeto de valorização e registro da história humana em locais históricos, como a cidade de Tiradentes, entre outros, são temas trabalhados por pesquisadores e alunos da universidade. 

pesquisas

registrado em: , , ,