Notícias que as outras não dão

Rádio Brasil Atual estreia programação com mais jornalismo no período da tarde

Prestação de serviço, entrevistas, colunistas e os principais fatos do dia. Boletins de hora em hora e edição do 'Jornal Brasil Atual' às 17h30. Na FM 98,9 para Grande São Paulo e 93,3 no litoral paulista

Rádio

Emissora combina grade de jornalismo reforçada com programação musical que traz o melhor da música brasileira

São Paulo – A grade de programação da Rádio Brasil Atual ganhou mais jornalismo no período da tarde. E emissora gerida pela Fundação Comunicação Cultura e Trabalho – entidade mantida pelos sindicatos dos Bancários de São Paulo e Metalúrgicos do ABC – tem boletins noticiosos de hora em hora, a partir das 14h. E às 17h30, tem a edição vespertina no Jornal Brasil Atual

Esta é a segunda novidade trazida pela Rádio Brasil Atual em duas semanas. Desde 18 de setembro, a emissora apresenta, junto com a TVT, às 18h45,  o Papo com Zé Trajano. Agora, o reforço do jornalismo da tarde vem somar as “notícias que os outros não dão” e as “músicas que os outros não tocam” aos outros programas jornalísticos: o Jornal Brasil Atual, edição da manhã, das 7h às 9h; e o Hora do Rango, um bate-papo das 12h às 14h com personalidades consagradas e novidades ao mundo da cultura e da arte. A rádio tem ainda, às 5h, o Brasil Viola Atual, que privilegia a música sertaneja de raiz, traz boletins noticiosos e prestação de serviço. 

O jornalismo da tarde tem prestação de serviço, entrevistas, as notícias do dia com a participação dos repórteres que estão nas ruas, colunistas trazendo análises do ponto de vista dos trabalhadores e dos movimentos populares. A expansão do conteúdo jornalístico se soma aos esforços da fundação na melhoria da qualidade técnica e no alcance da rádio, na FM 98,9 para toda a Grande São Paulo e 93,3 para o litoral paulista.

Leia também

Últimas notícias