Você está aqui: Página Inicial / Cidadania / 2013 / 06 / Prefeito de Belém atende manifestantes e é recebido a pedradas

intolerância

Prefeito de Belém atende manifestantes e é recebido a pedradas

Em mais um episódio de violência gratuita, Zenaldo Coutinho é atacado quando saía do gabinete para receber pauta de reivindicações; 30 pessoas terminaram presas
por Redação RBA publicado 21/06/2013 10h02, última modificação 21/06/2013 12h37
Em mais um episódio de violência gratuita, Zenaldo Coutinho é atacado quando saía do gabinete para receber pauta de reivindicações; 30 pessoas terminaram presas
Blog Fiep/CC
zenaldo coutinho_cc.jpg

Prefeito de Belém é apedrejado por protestantes que participaram do ato contra a PEC 37

São Paulo – Trinta pessoas, aproximadamente foram detidas após tentareinvadir a prefeitura de Belém e atirar pedras contra o prefeito Zenaldo Coutinho (PSDB). As agressões ocorreram no momento em que o prefeito descia do gabinete para receber uma comissão de manifestantes.

De acordo com a Polícia Militar, o protesto na cidade reuniu 15 mil pessoas e se dirigiu à prefeitura. Lá, os manifestantes tentaram forçar a entrada duas vezes, mas foram impedidos pela Tropa de Choque e pela Guarda Municipal.

Segundo informações do jornal O Liberal, do Pará, o início da manifestação foi organizado por um grupos de advogados e promotores que são contra a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 37, que propõe limitar e regulamentar o poder de investigação do Ministério Público. A esses, se juntaram diversos grupos, muitos estudantes e alguns trabalhadores.

A pauta que disse que pretendia entregar ao prefeito era eclética e nenhuma teria relação com as atribuições de um administrador municipal – como o fim das obras de Belo Monte, por exemplo.

Com informações da Agência Brasil