Home Cidadania Após Folha e Estadão, entidade de democratização da mídia cobra espaço na TV Cultura

Após Folha e Estadão, entidade de democratização da mídia cobra espaço na TV Cultura

Publicado por Redação da RBA
13:24
Compartilhar:   

São Paulo – O Centro de Estudos de Mídia Alternativa Barão de Itararé encaminhou ofício ao diretor-presidente da Fundação Padre Anchieta, João Sayad, solicitando audiência para discutir um espaço na programação da TV Cultura, a emissora pública do estado de São Paulo.

“É missão inalienável da TV pública garantir a diversidade e a pluralidade informativa e cultural, abordando temas de interesse social e local, garantindo a projeção da comunidade em que está inserida para dar visibilidade a questões que, na maioria das vezes, não têm espaço nos veículos comerciais”, defende a entidade, que apresenta o pedido após decisão da Fundação Padre Anchieta de ceder espaços em sua programação aos jornais Folha de S. Paulo e O Estado de S. Paulo e à revista Veja.

Para o Barão de Itararé, é importante que a entidade adote critérios transparentes para dar espaço à produção independente que consiga refletir a experiência de grupos sociais. “As entidades/movimentos/produtoras interessadas – entres as quais o Barão de Itararé já se apresenta –, que manifestarem interesse, poderiam pleitear um espaço na programação da emissora, a ser concedido a partir de métodos e critérios transparentes. O Barão e estas entidades seriam inscritas por edital público”, diz o documento.

Leia também: