Revista do Brasil – Edição 128

velha ordem

Para Domenico Losurdo, novo conflito mundial é possibilidade real

'A condução política de Washington corre riscos de provocar uma nova guerra mundial, que pode até atravessar o limiar nuclear', afirma à 'RBA' o filósofo italiano
Música

Belchior, pequeno perfil de um cidadão incomum

Lembranças e anotações sobre o compositor que morreu em 30 de abril, aos 70 anos. Ele é tema de biografia escrita pelo jornalista Jotabê Medeiros, a ser lançada no segundo semestre
Think tanks

As bases e o ‘habitat’ da nova direita

Na segunda matéria sobre novos atores que ganham relevância no cenário político brasileiro, o papel dos 'think tanks' e a importância das redes sociais
pós-golpe

O passado como projeto de governo

Nos termos em que se pauta o governo Temer, o Brasil segue condenado a repetir no presente o que se conheceu somente no passado distante: o atraso do subdesenvolvimento e a exclusão avassaladora de muitos
Emir Sader

A superexploração dos trabalhadores, vingança do poder econômico

O golpe foi feito, em termos econômicos, para isso: liberar o grande capital para explorar, em melhores condições, a força de trabalho
conjuntura política

Até onde vai a ‘nova direita’?

Em um cenário de descrédito para a atual classe política, novos personagens e agremiações têm oportunidade de crescer e ampliar seu espaço
Lalo Leal

Censura editorial: não há outro nome para a omissão da Globo no 28 de abril

A palavra censura está na maioria das vezes associada a Estados autoritários. Mas a mídia hegemônica, liderada pela Globo, conquistou um poder que se coloca acima dos poderes da República
Curta Essa Dica

Samba de Antonio Nóbrega, poesia da sobrevivência e indíos Ãwa nas telas

Nóbrega viaja pela história do samba no Auditório Ibirapuera. 'Outros Jeitos de Usar a Boca' trata com poesia sobre violência, abuso, amor e feminilidade. 'Taego Ãwa' investiga trajetória de indígenas
Entrevista | José Paulo Bisol

‘Até gostaria de uma convulsão social. Aí teríamos de fazer a Constituinte’

Para o ex-senador Bisol, companheiro de chapa de Lula na disputa presidencial de 1989, só uma forte reação popular vai barrar a violência brutal dos golpes. 'O diabo é que ela não acontece'

última notícias

Mais Lidas