Você está aqui: Página Inicial / Blogs / Curta essa dica / 2011 / 11 / Clint Eastwood tem filmografia reunida no CCBB de São Paulo

Clint Eastwood tem filmografia reunida no CCBB de São Paulo

por guibryan1 publicado 24/11/2011 11h16, última modificação 24/11/2011 16h22

Cartaz de Gran Torino, filme de Eastwood em cartaz na mostra do CCBB (Reprodução/Divulgação)

Que ele é um dos mais aclamados e premiados atores e diretores do cinema mundial, não há dúvida. Agora será possível relembrar o que o norte-americano Clint Eastwood, de 81 anos, realizou de melhor. O Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), exibe, entre 7 e 30 de dezembro, em São Paulo, a mostra “Clint Eastwood – Clássico e Implacável”, que reúne 42 filmes estrelados e/ou dirigidos por ele, e é considerada a maior mostra já dedicada ao astro.

Com carreira ampla e versátil, o ator Clint Eastwood, nascido em São Francisco em 1930, começou a ganhar destaque como o pistoleiro sem nome nos western spaghetti do diretor italiano Sergio Leone. Esse é o caso de “Por Um Punhado de Dólares”, de 1964; “Por Uns Dólares a Mais”, de 1965; e “Três Homens em Conflito”, de 1966.

Já na década de 1970, ele se destacou como o detetive nada convencional Dirty Harry, que estrelou os filmes “Perseguidor Implacável”, dirigido por Don Siegel em 1971; e “Dirty Harry na Lista Negra”, realizado por Buddy Van Horn de 1988.

Confira a galeria de fotos de filmes de Clint Eastwood.

Clint Eastwood tornou-se diretor em 1971, com o policial “Perversa Paixão”. Depois vieram os pouco conhecidos faroestes “Josey Wales, o Fora-da-Lei”, de 1976; e “O Cavaleiro Solitário”, de 1985. Todos poderão ser vistos na mostra.

O primeiro filme de prestígio foi “Bird”, de 1988, cinebiografia do músico Charlie Parker, indicada à Palma de Ouro em Cannes. Mas a consagração veio mesmo com “Os Imperdoáveis”, vencedor do Oscar de melhor filme em 1992. O feito foi repetido em 2004 com “Menina de Ouro”. 

Também merecem ser vistos ou revistos “Um Mundo Perfeito”, de 1993, com Kevin Costner; “As Pontes de Madison”, de 1995, com Meryl Streep; “Sobre Meninos e Lobos”, de 2003, com Sean Penn; “A Conquista da Honra” e “Cartas de Iwo Jima”, ambos a respeito da Segunda Guerra Mundial e lançados em 2006; e “Gran Torino”, de 2008.

Ficou de fora o ainda inédito “J. Edgar”, cinebiografia do diretor do FBI J. Edgar Hoover, estrelada por Leonardo Di Caprio e que estreia esse mês nos Estados Unidos, já sendo apontada como forte candidata ao Oscar 2012. A mostra “Clint Eastwood – Clássico e Implacável” segue para Brasília, onde ficará em cartaz no CCBB, entre 13 de dezembro e 8 de janeiro.

Serviço
Mostra Clint Eastwood – Clássico e Implacável
Entre 7 e 30 de dezembro. Ingressos de R$ 2 a R$ 4.
Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) – Rua Álvares Penteado, 112. Centro, São Paulo.
Tel: (11) 3113-3651 e 3113-3652

[email protected]