Você está aqui: Página Inicial / Blogs / Curta essa dica / 2011 / 03 / Mambo Italiano: tragicomédia de costumes em SP

Mambo Italiano: tragicomédia de costumes em SP

por Guilherme Bryan, para a Rede Brasil Atual publicado 01/03/2011 10h47

Está em cartaz no Teatro Nair Bello, em São Paulo, até 27 de março, a peça “Mambo Italiano”, traduzido e dirigido por Clarice Abujamra e que mistura comédia com tragédia para retratar duas típicas famílias italianas da Mooca. Se o elenco mais jovem deixa um pouco a desejar, os veteranos Claudia Mello, Antônio Petrin e Tânia Bondezan comprovam porque são três ótimos nomes da interpretação brasileira, em espetáculo que conta com algumas soluções cênicas muito interessantes.

O enredo mostra Angelo (Luciano Audrey), filho do típico casal italiano Maria (Claudia Mello) e Gino (Antonio Petrin), é homossexual e vive com o amigo de infância, Nino (Jarbas Homem de Mello), filho de uma viúva (Tânia Bondezan). Ele é encorajado pela irmã solteirona Ana (Lara Córdula) a revelar toda a verdade para a família, mesmo contrariando a vontade do companheiro.

Desse modo, a peça começa com várias piadas e referências aos costumes e hábitos dos italianos em São Paulo, desde o modo de falar até a preferência por determinados tipos de comidas, horários das refeições e adoração por futebol. Porém, do meio em diante, se transforma numa tragicomédia à italiana, quando a homossexualidade dos rapazes é rejeitada pelos pais, quase como se tratasse de uma doença. É interessante perceber que, durante o espetáculo, há referência até a rua onde fica o teatro, a Frei Caneca, em São Paulo, motivo de várias piadas por ser freqüentada por homossexuais.

Portanto, o espetáculo trabalha com um tema cada vez mais atual, mas, infelizmente, ainda controverso, de modo bastante sincero e capaz de cativar a plateia, que ri e reflete ao mesmo tempo. Algumas soluções cênicas contribuem ainda mais para isso. Uma delas é o cenário, que divide o palco em duas partes – a copa da casa do casal Gino e Maria, e a sala do apartamento de Angelo e Nino. Outra é que o elenco fica o tempo todo no palco, observando a ação dos colegas e, desse modo, já interferindo diretamente na narrativa. E, por fim, pelos monólogos de cada personagem, que revelam detalhes íntimos de suas histórias e personalidades.

Serviço:

Sessões as sextas-feiras, 21h30, sábados, 21h, e domingos, 19h

Ingressos a R$60,00 (sexta e domingo) e R$70,00 (sábado)

Teatro Nair Bello – Shopping Frei Caneca. 3º andar.Rua Frei Caneca, 569

 Telefone: 34722414.
registrado em: ,