Você está aqui: Página Inicial / Blogs / Curta essa dica / 2010 / 10 / Wim Wenders expõe fotos no Masp

Wim Wenders expõe fotos no Masp

por jessicasouza publicado 21/10/2010 11h30, última modificação 22/10/2010 17h59

Roda-gigante na Armênia, em 2008 (Foto: Divulgação)

Começa nesta quinta-feira (21) a exposição "Lugares, Estranhos e Quietos", no Masp. As 23 fotografias inéditas do diretor de cinema alemão , Wim Wenders, integram a 34ª Mostra Internacional de São Paulo. Uma das fotos, tirada na Austrália é um dos pôsteres do festival.

Diversas paisagens ao redor do mundo foram clicadas por Wenders entre 1983 a 2010. As imagens expostas tem dimensões grandes, alguns quadros com mais de quatro metros e retratam vários países, como Israel, Armênia e Estados Unidos. O Brasil também entrou na seleção, um muro com desenhos em Salvador e o topo de um arranha-céu em São Paulo. Ha também uma referência ao país em uma outra foto, tirada em um túnel de trem em em Wuppertal, na grande Düsseldorf (cidade em que Wenders nasceu) de uma obra dos Osgemeos, os grafiteiros brasileiros Otávio e Gustavo Pandolfo.

Wenders contou, durante coletiva realizada um pouco antes da abertura da exposição para convidados, que a foto de São Paulo foi feita em um prédio perto do Masp, em uma outra visita dele a cidade, enquanto ele esperava um helicóptero. "Eu estava no topo deste edifício esperando, comecei a circular e observar e vi esse sistema de ventilação com plantas vivendo dentro dele, oeu nunca tinha visto isso".

Wim Wenders e Leon Cakoff

O diretor e fundador da Mostra, Leon Cakoff, confidenciou que Wenders tentava uma exposição própria no Masp há três anos, desde que usou o Museu como locação de seu filme "Palermo Shooting".

Em seus retratos há poucas pessoas, e quando essas aparecem estão de costas ou ao fundo nas paisagens. Wenders explicou que mostra bastante as pessoas em seus filmes e acaba deixando a paisagem como plano de fundo. "Nas fotos eu tento mostrar a importância do lugares, fotografar coisas que ninguém enxerga. As imagens dizem mais sobre as pessoas do que as pessoas sobre si mesmas", conta o diretor.

Wim Wenders também comentou sobre a importância da tecnologia 3D e como ela será o futuro do documentário. "Não há nada mais belo do que ver a realidade em 3D", defendeu.

O cineasta está finalizando seu primeiro longa em 3D, um documentário sobre a dançarina e coreógrafa alemã Pina Bausch, falecida em junho de 2009. Segundo Wenders, os dois queriam filmar juntos há mais de 20 anos, mas não havia tecnologia avançada o suficiente para filmar as danças. Depois da morte de Bausch o diretor quase abandonou o projeto, mas voltou atrás com a ajuda dos bailarinos do grupo de Bausch que podiam realizar as coreografias.

Além da exposição, a 34ª edição homenageia o diretor alemão com a exibição dos filmes: “Asas do Desejo”, “Paris, Texas”, “Um Filme Para Nick” e o longa "Até o Fim do Mundo" (1991), versão do diretor com 280 minutos.

Serviço:

"Lugares, estranhos e quietos" de Wim Wenders
Masp (Av. Paulista, 1578) - (11) 3251-5644
De 21 de outubro a 16 de janeiro de 2011
Terças, quartas, sextas, sábados, domingos e feriados, das 11h às 18h; quintas, das 11h às 20h. A bilheteria fecha uma hora antes. Ingressos: R$ 15 (grátis nas terças)

Filmes de Wim Wenders na Mostra

  • "Até o Fim do Mundo Director´s Cut": no dia 23, às 15h, na Sala Petrobras, na Cinemateca Brasileira; e na sala 2 do Cine Livraria Cultura, às 16h
  • "Asas do Desejo": no dia 24, às 14h, no Cine Livraria Cultura, sala 2; e no dia 27, às 14h30, no Unibanco Arteplex, sala 6
  • "O Filme de Nick": no dia 24, às 23h, no Cine Livraria Cultura, sala 2
  • "Paris, Texas": no dia 24, às 18h50, no Cine Livraria Cultura, sala 2





registrado em: ,