Você está aqui: Página Inicial / Trabalho / 2014 / 04 / Unisol cria central no estado de São Paulo para desenvolver cooperativas

economia solidária

Unisol cria central no estado de São Paulo para desenvolver cooperativas

por Redação RBA publicado 29/04/2014 12h09, última modificação 29/04/2014 14h01
diretor_sindicato.jpg

Para diretor do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, demanda por economia solidária está em expansão

São Paulo – A Central de Cooperativas e Empreendimentos Solidários (Unisol) Brasil inaugurou ontem (28) uma central no estado de São Paulo, na região do ABC paulista. O objetivo é a criação de ações específicas para empreendimentos em economia solidária no estado. As ações serão destinadas, principalmente, a cooperativas que atuem com jovens residentes nas periferias, catadores de material reciclável e pacientes da saúde mental. A reportagem foi ao ar na edição de ontem (28) do Seu Jornal, da TVT.

Diretor do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, Teonílio Monteiro da Costa, o Barba, afirma que é importante para Unisol Brasil fomentar a criação de centrais em nível estadual. “Porque na verdade a demanda da economia solidária está exatamente nas cidades, nos municípios”, explica. Atualmente, o estado de São Paulo possui 41 convênios com a economia solidária.

A Unisol Brasil é conveniada a mais de 750 cooperativas de economia solidária em todos os estados. Ao todo, são 70 mil trabalhadores. A economia solidária responde por 1% do Produto Interno Bruto (PIB) do país, e as cooperativas, por 8%.

A Unisol surgiu de uma iniciativa do Sindicato dos Metalúrgicos, após a crise financeira que diversas fábricas da região sofreram na década de 1990. Trabalhadores formaram cooperativas para criar empregos e estimular o desenvolvimento social.

Assista a reportagem realizada pela TVT: