Você está aqui: Página Inicial / Política / 2009 / 05 / Prefeito de Porto Feliz espera encontro com Serra

Prefeito de Porto Feliz espera encontro com Serra

Depois de três dias de caminhada de protesto contra a instalação de presídio na cidade, prefeito e comitiva vão ao Palácio dos Bandeirantes nesta quarta-feira (27)
por Rodrigo Rodrigues, Jornal Brasil Atual publicado , última modificação 27/05/2009 10h27
Depois de três dias de caminhada de protesto contra a instalação de presídio na cidade, prefeito e comitiva vão ao Palácio dos Bandeirantes nesta quarta-feira (27)

Após três dias de viagem, a jornada do prefeito de Porto Feliz, Cláudio Maffei (PT), finalmente está perto do fim. Protestando contra a instalação de um presídio na cidade, a comitiva já andou quase 120 quilômetros pela rodovia Castelo Branco e chegou na manhã desta quarta-feira (27) a São Paulo e deve estar na sede do governo paulista ao meio dia.

O grupo passou passou a noite em Osasco e, às seis da manhã, entrou na capital paulista. “A gente sente, o físico sente, o músculo e algumas partes do corpo estão doendo", conta João Paulo Rodrigues, assessor político da cidade e um dos acompanhantes de Maffei na jornada à pé, ao Jornal Brasil Atual. "Essa noite mesmo o frio esteva muito forte. E você não está na sua casa, deixa a família para trás, sou casado, tenho um filho de dois meses que deixei para trás por causa dessa causa ”, completa. "A gente que é de Porto Feliz, nascido em Porto Feliz, uma cidade calma, tranquila, não quer presídio.”

Empunhando bandeiras do Brasil e de Porto Feliz, a comitiva de andarinhos recebeu solidariedade durante todo o caminho. Motorista que passavam pela rodovia buzinavam e até paravam em solidariedade à causa do prefeito.

O ambientalista Gabriel Bittencourt, ex-vereador de Sorocaba, até parou o carro para caminhar alguns quilômetros com o prefeito de Porto Feliz. “Dá a impressão de que os técnicos do governo estadual devam ter escolhido a área olhando simplesmente o mapa, ou o Google Earth, qualquer coisa do tipo, sem nenhum tipo de análise mais criteriosa”, critica. “Foram escolher justamente uma área de proteção ambiental, cujo objetivo é proteger o principal recurso hídrico de Porto Feliz, o manancial que abastece toda a cidade”, esclarece.

Com quinze mil assinatura em um abaixo-assinado contra a instalação do presídio na cidade, Cláudio Maffei diz que espera ser recebido pelo governador José Serra. "Estamos indo lá para sensibilizar, conversar com ele, mostrar os argumentos para que não tenha esse presídio em Porto Feliz”, disse. “No dia 10 de março, Serra esteve na cidade para inaugurar a Academia do Desporto do Brasil, a população o recebeu bem, lembra Maffei. “Acredito que, como o José Serra é uma pessoa muito elegante, vai fazer o mesmo, vai retribuir o carinho do povo de Porto Feliz.”

Apesar do esforço do prefeito de Porto Feliz, até a noite de terça-feira (26) o Palácio dos Bandeirantes não confirmou se receberia ou não o prefeito.