Você está aqui: Página Inicial / Mundo / 2012 / 09 / Farc nomeiam negociadores e dizem que vão propor cessar-fogo bilateral

Farc nomeiam negociadores e dizem que vão propor cessar-fogo bilateral

Em coletiva em Havana, a guerrilha também disse que a prática de sequestrar civis e militares foi abandonada
por Do Opera Mundi publicado , última modificação 06/09/2012 16h19
Em coletiva em Havana, a guerrilha também disse que a prática de sequestrar civis e militares foi abandonada

São Paulo – Um dia após o governo colombiano anunciar quem serão seus negociadores para o acordo de paz com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), a guerrilha divulgou seus representantes na mesa de negociação e disse que vai buscar a implementação de um cessar-fogo bilateral.

Mauricio Jaramillo, líder do alto escalão das FARC, afirmou hoje (6), em coletiva de imprensa em Havana, capital de Cuba, que Iván Márquez e José Santrich participarão das negociações em Oslo. Márquez participou de negociações no passado e integra o secretariado das Farc; Santrich é um líder de segundo escalão.

"Vamos propor um cessar-fogo imediatamente quando sentarmos à mesa", adiantou Jaramillo. Os rebeldes disseram que as negociações com o governo colombiano, as primeiras desde uma tentativa fracassada de paz há uma década, vão começar em 8 de outubro na Noruega. Depois, o processo terá continuidade em Cuba, de acordo com autoridades. 

Jaramillo também disse que a prática de sequestrar civis e militares foi abandonada pela guerrilha. O presidente colombiano, Juan Manuel Santos, afirmou que, apesar das negociações, a atual campanha militar contra a guerrilha vai ser mantida e até mesmo ampliada.

 

registrado em: , , , ,