Você está aqui: Página Inicial / Mundo / 2010 / 09 / Médicos dizem que Néstor Kirchner passa bem após cirurgia cardíaca de emergência

Médicos dizem que Néstor Kirchner passa bem após cirurgia cardíaca de emergência

por Luiz Antônio Alves, correspondente da Agência Brasil na Argentina publicado , última modificação 12/09/2010 12h24

Buenos Aires - O ex-presidente da Argentina Néstor Kirchner passa bem, depois de ser submetido a uma angioplastia. O deputado e secretário-geral da União de Nações Sul-Americanas (Unasul) foi internado às pressas na noite de sábado (11) após sentir dores no peito na residência oficial de Olivos.

A mulher dele, a presidente Cristina Kirchner, continua no Hospital Los Arcos, no bairro de Palermo, acompanhando a recuperação do marido. O primeiro boletim oficial sobre a saúde de Néstor Kirchner foi lido por volta da 1h da madrugada deste domingo (12) por Alfredo Scoccimarro, subsecretário de Imprensa da Casa Rosada, sede do governo argentino. 

Esta é a segunda vez em que Néstor Kirchner passa por uma cirurgia cardíaca. No dia 7 fevereiro deste ano, o ex-presidente argentino também foi submetido a uma angioplastia para desobstrução de artéria coronariana para facilitar o fluxo do sangue no coração. Os médicos que atendem o ex-presidente informaram que ele deverá permanecer internado por mais 24 ou 48 horas, mas afirmam que não deverá ocorrer nenhuma complicação pós-cirúrgica.

Candidato informal à Presidência da República no ano que vem, Kirchner havia anunciado que iria participar de uma grande manifestação política na próxima semana no parque de Buenos Aires conhecido como Luna Park. A manifestação, convocada por meio de cartazes distribuídos por toda a capital argentina, teria o objetivo de reunir os jovens em torno dos projetos políticos do Partido Justicialista, presidido por Kirchner.

registrado em: