Você está aqui: Página Inicial / Esportes / copa-2010 / BC autoriza bancos para fixar horários especiais durante os jogos da Copa

BC autoriza bancos para fixar horários especiais durante os jogos da Copa

por Kelly Oliveira publicado , última modificação 26/05/2010 16h31

Brasília - O Banco Central (BC) decidiu autorizar as instituições financeiras a alterar o horário de atendimento ao público nos dias dos jogos da seleção brasileira durante a Copa do Mundo.

Em nota divulgada quarta-feira (26), o BC informou que nos dias de jogos da seleção brasileira, “não será obrigatório o funcionamento ininterrupto das agências dos bancos múltiplos com carteira comercial, bancos comerciais e caixas econômicas entre 12 e 15 horas”. O tempo mínimo de atendimento ao público nas agências de passou de cinco para quatro horas.

Segundo o BC, o novo horário deve ser divulgado pelos bancos ao público com pelo menos dois dias de antecedência.

A nota do BC lembra que medida semelhante já foi adotada no último campeonato mundial de futebol e visa a evitar falhas de segurança nas agências bancárias e no transporte de valores nos dias de jogos da seleção.

O presidente do Sindicato, Luiz Cláudio Marcolino, comemorou a decisão. “Enviamos carta ao BC e à federação dos bancos há quase duas semanas cobrando decisão sobre o assunto".

Febraban

A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) também divulgou, por meio de nota, como será a escala de atendimento nas agências.

Brasil X Coréia do Norte: 15 de junho, terça-feira, 15h30
Expediente bancário nas capitais e regiões metropolitanas e no interior: das 8h às 14h.

Brasil X Costa do Marfim: 20 de junho, domingo, às 15h30
Não há expediente bancário

Brasil X Portugal: 25 de junho, sexta-feira, às 11h
Expediente bancário nas capitais e regiões metropolitanas: das 8h às 10h30 e das 14h às 16h. Interior: das 8h às 10h30 e das 13h30 às 15h30

Em caso de classificação da seleção brasileira para as fases seguintes da Copa do Mundo, o expediente bancário será os mesmos dessa fase dos jogos às 11h e às 15h30.

Fonte: Agência Brasil