Você está aqui: Página Inicial / Cultura / 2014 / 06 / Mostra apresenta filmes sobre juventude e rebeldia no Rio de Janeiro

De 3 a 15 de junho

Mostra apresenta filmes sobre juventude e rebeldia no Rio de Janeiro

Retrospectiva na Caixa Cultural traz longas que abordam o papel do jovem em diferentes contextos políticos e sociais
por Redação RBA publicado 03/06/2014 19h55
Retrospectiva na Caixa Cultural traz longas que abordam o papel do jovem em diferentes contextos políticos e sociais
Divulgação
O Ódio

O Ódio mostra a vida de três jovens alienados e propensos à violência que moram na periferia de Paris

O poder e a transformação dos jovens ao redor do mundo. Este é o tema da mostra de cinema Juventude e Rebeldia, que começa nesta terça-feira (3), na Caixa Cultural Rio, na capital carioca. Serão exibidos 14 longas-metragens produzidos por diretores de vários países.

“A seleção foi feita mesclando dois critérios: filmes sobre eventos históricos que aconteceram nas últimas décadas ao redor do mundo, e produções que falam sobre a vida dos jovens de uma forma universal sobre vários aspectos, como a relação com a violência, as drogas, o sexo, a religião e a comunidade”, afirma o curador da mostra Thiago Carvalho. Segundo ele, a ideia surgiu dos vários movimentos que têm acontecido ao redor do planeta, como a Primavera Árabe, os protestos contra a crise na Europa e as mobilizações populares do ano passado, no Brasil.

A mostra começou hoje com os longas A Batalha de Seatle, de Stuart Townsend, e O Ódio, que rendeu ao francês Mathieu Kassovitz o prêmio de melhor direção no Festival de Cannes, em 1995. Filmado no estilo cinema-verdade, este filme mostra a vida de três jovens alienados e propensos à violência que moram no mesmo conjunto habitacional na periferia de Paris. O alemão The Edukators, de Hans Weingartner, fecha o primeiro dia do festival, às 18h.

Até o dia 15 de junho, também serão exibidos o palestino Paradise Now, o alemão O Grupo Baader-Meinhof, a animação Persépolis, o drama francês Entre os Muros da Escola, This is England, Felizes Dezesseis, Trainspotting – Sem Limites, Tudo o que Eu Amo, Depois de Maio e os brasileiros Rio em Chamas e A Alegria.

Além dos filmes, a mostra contará com dois debates. Na quinta-feira, 5 de junho, o jornalista e pesquisador Pedro Curi, da cineasta e diretora de TV Rosane Svartman e de Marina Meliande, diretora do filme A Alegria, discutem sobre a representação do jovem no audiovisual. E no dia 11 de junho, os professores e pesquisadores Cezar Migliorin e Ivana Bentes, o roteirista, videomaker e ativista Rafucko e representantes da Mídia Ninja debatem sobre midiativismo.

Os público da mostra terá acesso a um catálogo com ensaios sobre juventude escritos pela psicanalista Maria Rita Kehl, pela acadêmica Julia Salgado e pelo diretor de cinema Felipe Bragança.

Mostra de cinema Juventude e Rebeldia
Quando: de 3 a 15 de junho
Confira aqui a programação completa
Onde: Cinema 1 da Caixa Cultural Rio de Janeiro
Av. Almirante Barroso, 25, Centro
Quanto: R$ 2 e R$ 4
Bilheteria: de terça a domingo, das 10 às 20h
Classificação: 16 anos

registrado em: , ,