Você está aqui: Página Inicial / Economia / 2013 / 03 / Desemprego tem ligeira alta em fevereiro, aponta pesquisa Dieese/Seade

Desemprego tem ligeira alta em fevereiro, aponta pesquisa Dieese/Seade

por Vitor Nuzzi, da RBA publicado 27/03/2013 00h24, última modificação 27/03/2013 12h08

São Paulo – A taxa média de desemprego nas sete áreas abrangidas pela pesquisa Dieese/Fundação Seade atingiu 10,4% no mês passado, ante 10% em janeiro e 10,1% em fevereiro de 2012. O número de desempregados foi estimado em 2,311 milhões, 82 mil a mais em relação ao mês anterior e 108 mil a mais do que há um ano.

Na região metropolitana de São Paulo, a taxa ficou em 10,3%, ligeira alta ante janeiro (10%), mas ainda assim a menor para fevereiro desde 1991. Em igual mês do ano passada, a taxa foi de 10,4%. Segundo os técnicos, o aumento é o comportamento usual para este período do ano.

O rendimento médio dos ocupados nas sete áreas (estimada em R$ 1.577) caiu 1,8% no mês e aumentou 2,2% em 12 meses. Na Grande São Paulo, a renda (R$ 1.714) caiu 2,8% e aumentou 3,7%, respectivamente.

A Pesquisa de Emprego e Desemprego (PED) é feita no Distrito Federal e nas regiões metropolitanas de Belo Horizonte, Fortaleza, Porto Alegre, Recife, Salvador e São Paulo.