Você está aqui: Página Inicial / Economia / 2009 / 07 / Aprovada sem restrições compra da Brasil Telecom pela Oi

Aprovada sem restrições compra da Brasil Telecom pela Oi

Secretaria de Assuntos Econômicos aceita negociação anunciada há mais de um ano
por Sabrina Craide publicado 07/07/2009 18h01, última modificação 07/07/2009 18h01
Secretaria de Assuntos Econômicos aceita negociação anunciada há mais de um ano

 Brasília - A Secretaria de Assuntos Econômicos (Seae) do Ministério da Fazenda aprovou sem restrições a compra da Brasil Telecom pela Oi, anunciada há mais de um ano. No parecer, divulgado nesta terça-feira (7), a secretaria avaliou apenas a possibilidade de concentração no mercado de acesso à internet, e não analisou o mercado de telefonia.

“A estratégia de diversificação de serviços é bastante utilizada neste setor, visando alcançar a atenção dos usuários. Assim, pode-se afirmar que há competição por preço e por produto agregado oferecido junto ao acesso à internet”, informa o parecer da Seae. O negócio entre as duas empresas ainda terá que ser analisado pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

Na sua avaliação, a Seae também lembrou que a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) impôs várias condições para dar a anuência prévia à fusão das empresas, que contribuem para a redução da possibilidade de exercício de poder de mercado das empresas.  

Para a Oi, o parecer da Seae representa a superação de mais uma importante etapa para a consolidação do negócio. “Em seu parecer, a Seae cita o grande número de provedores de acesso à internet como prova de que é um mercado sem barreira de entrada e destaca a relevância da convergência tecnológica para manter a competição no mercado de telecomunicações”, informou a empresa, por meio de sua assessoria de imprensa.

Fonte: Agência Brasil