Você está aqui: Página Inicial / Cidadania / 2017 / 03 / Aulas públicas e shows de rap marcam o 17º dia de ocupação do MTST na Paulista

programação

Aulas públicas e shows de rap marcam o 17º dia de ocupação do MTST na Paulista

Breno Altman e Souto Maior darão uma palestra sobre a Revolução Russa e a reforma trabalhista
por Redação RBA publicado 03/03/2017 11h22
Breno Altman e Souto Maior darão uma palestra sobre a Revolução Russa e a reforma trabalhista
Facebook/Isa Penna
MTST OCUPAÇÃO

Na tarde de ontem (2), a vereadora Isa Penna falou sobre preparação do mês de mandato feminista e popular

São Paulo – A ocupação do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) na Avenida Paulista, em São Paulo, completa 17 dias nesta sexta (3). À espera de uma resolução do governo Temer sobre as verbas para o programa Minha Casa, Minha Vida, de habitação popular, os militantes dão continuidade à sua programação cultural com shows de rap e aulas públicas.

A agenda prevê duas aulas públicas, a partir das 16h: sobre a reforma trabalhista – que tramita no Congresso –, com o jurista e professor de Direito do Trabalho da Universidade de São Paulo (USP), Souto Maior. No começo da noite, às 18h, o jornalista Breno Altman ministra uma aula sobre o centenário da Revolução Russa, de 1917.

A programação do dia também conta com exibição de atores do Teatro Oficina, às 17h. Três shows de rap encerram as atividades desta sexta-feira: Brisa Flow, às 19h; o grupo 5 Pra 1, às 20h; e o cantor Msário, às 21h. 

O MTST ocupa a esquina da Avenida Paulista com a Rua Augusta, em frente ao escritório do governo federal, no centro da capital. O acampamento reúne centenas de militantes desde o último dia 15 de fevereiro, pela liberação de recursos para a faixa 1 do Minha Casa, Minha Vida, reservada a famílias de renda mais baixa.