Você está aqui: Página Inicial / Cidadania / 2016 / 05 / Prefeitura de São Paulo promove seminário contra homofobia

diversidade

Prefeitura de São Paulo promove seminário contra homofobia

por Redação RBA publicado 18/05/2016 10h39, última modificação 18/05/2016 10h44
TVT/Reprodução
seminario sexualidade.jpg

No seminário, concluiu-se que o conservadorismo ainda predomina e precisa ser enfrentado

São Paulo –No Dia Internacional de Combate à Homofobia, ontem (17), a prefeitura de São Paulo promoveu seminário sobre sexualidade. A data foi escolhida porque no dia 17 de maio de 1990, a homossexualidade foi retirada da lista de doenças da Organização Mundial da Saúde (OMS).

"No Brasil, todo dia morre uma pessoa vítima de homofobia", afirmou ao Seu Jornal, da TVT, Alessandro Melchior, da coordenadoria municipal de Políticas LGBT de São Paulo. "A melhor maneira para isso (combate ao preconceito) é por meio da educação. É ensinando as pessoas que é preciso conviver em sociedade e respeitar a diversidade, a partir de políticas educacionais, formação de professores, discutindo gênero e diversidade nas escolas. As escolas precisam ser um espaço de promoção da tolerância."

Uma das conclusões do seminário é de que o conservadorismo ainda predomina e precisa ser enfrentado. "Falar de sexualidade é um tabu. Quando ampliamos o olhar da sexualidade para outras orientações sexuais, além da heterossexualidade, o tabu é maior ainda", afirmou a secretária municipal de Políticas para Mulheres, Dulce Xavier.

Assista: